Alguns posts antigos.

Utilizando senhas no NetBSD.

É, tive um problema com as senhas no NetBSD recentemente, pô! A mudança de um sistema operacional pra outro é meio complicado, foi mais fácil pra mim porque sempre usei Linux (baseado no UNIX) desde 1999! Mas ainda sim tem algumas coisinhas que são bem diferentes! Na instalação do NetBSD (o que foi me dito) tem uma parte que diz a você qual tipo de encriptação você quer usar para proteger suas senhas (a padrão é DES), só que tem um detalhe bem interessante pra aqueles viciados em segurança por obscuridade, a senha DES tem no máximo 8/9 caracteres (nao me lembro ao certo agora), ou seja, uma senha fraca pra um bruteforce, então você tem que fazer mudanças no seu sistema! A primeira coisa que você deve fazer é ler os manuais dos comando ‘pwhash’ e ‘pwd_mkdb’ (respectivamente, um criador de senhas e um atualizador das senhas no banco de dados interno do sistema operacional), as sintaxes são bem simples! Pra você criar uma nova senha você faz:

pwhash -m -p (te dá um prompt pra senha e gera uma senha em MD5)

pwhash -s 32000 -p (te dá um prompt pra senha e gera uma senha SHA1)

Após isso você deve copiar a saída gerada e adicionar corretamente no arquivo /etc/master.passwd, depois disto deve atualizar a base de dados de senha usando o comando abaixo:

pwd_mkdb -u -f /etc/master.passwd

Participação no dia D (15 de agosto de 2009)

Quem diria, eu, um slacker, participando do Dia Debian, mas também quão bom ver que hoje não existe mais isso, pelo o menos pra mim, em pensar em como a uns anos atrás fui xiita, isso é uma besteira! Linux é linux e eu até já usei Debian por mais de 1 (um) ano.

O Dia D foi diferente de eventos que duram um dia só, o nível foi bem legal e com palestrantes bem interessantes, as vezes fico chateado com eventos só pra usuários iniciantes, claro que eles merecem o seu espaço mas isso já está se tornando rotineiro e monotôno.

Ministrei um minicurso de Shell-Script e foi tudo muito bem, recebi bastante elogios, o que me deixa feliz em ver que depois desse tempo todo afastado e desiludido com algumas coisas (foram mais de 7 meses) ainda fico contente em poder passar o que eu conheço de linux e programação pras pessoas gratuitamente.

Wiki do Debian-PE (Dia D 2009)

PCMCIA: D-Link DWL-g650 (22 de dezembro de 2007)


Yeah! Recentemente meu notebook teve alguns probleminhas :/ Um deles foi a rede, de tanto eu forçar o cabo de rede, acabou dando um pau na ethernet, pena! Como já tinha um roteador Wireless D-Link DI-524, resolvi comprar uma coisa que meu notebook nunca teve: um cartão pcmcia! Comprei um PCMCIA D-Link DWL-g650, tive alguns probleminhas no início, fui tentar configurá-lo usando um software chamado ACX e carregando alguns módulos nativos do kernel, infelizmente não obtive sucesso! Quem sabe com mais algumas tentativas? Foi aí que eu lembrei do NDISWRAPPER, santa ferramenta! Porém como alguns devem saber ela precisa do firmware do hardware em questão, no caso da placa wireless d-link. Uma coisa que eu precisei prestar atenção foi na versão do FIRMWARE e na sua revisão, no meu caso a revisão foi a ‘C’ e a versão do firmware é a 4.31, obti no ftp da dlink, que você pode baixar clicando aqui.

Feito isso o resto é fácil, basta dezipar o arquivo e utilizar o ndiswrapper, para instalar o ndiswrapper é fácil, basta baixar uma versão do software, descompactá-lo e dar um ‘make’ como a seguir:

# tar xfj ndiswrapper-1.51.tar.bz2
# cd ndiswrapper-1.51
# make && make install

Então descompactamos o firmware e copiamos o arquivo .inf, no meu caso:
# unzip dwl-g650_drv_revC_V4.31-Build60616_ALL_multilang.zip
# cp NetA3AB.inf /lib/firmware

Finalmente rodamos o ndiswrapper pra rodar a versão do firmware:
# ndiswrapper -i /lib/firmware/NetA3AB.inf
# modprobe ndiswrapper

Pronto! É só conferir com os comandos de configuração de rede, o ifconfig e o iwconfig para o wireless, ela provavelmente estará reconhecida como wlan0, então para configurar ela basta fazermos:

# ifconfig wlan0 up
# ifconfig wlan0 192.168.10.123 (modifique pra sua rede)
# iwconfig wlan0 ESSID NomeDaSuaRede
# iwconfig wlan0 CHANNEL CanalDeSuaRede
# iwconfig wlan0 KEY PasswordDeSuaConexao

Adicione o seu gateway padrão:
# route add default gw 192.168.10.1 dev wlan0

Boa sorte e bem vindo ao mundo sem fio! 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: